blockchain-na-moda

Blockchain na moda: como essa tecnologia pode contribuir para esse setor?

Já comentamos diversas vezes aqui, nos artigos do blog da Bitso, que a tecnologia blockchain não é mais um privilégio do mundo das criptomoedas

Expandindo suas aplicações para diversos setores, você já parou para pensar qual pode ser a participação do blockchain na moda?

Vamos dar um exemplo: empresas dessa indústria que adotam essa tecnologia podem gerar peças com QR Code que, uma vez lidos, mostram toda a trajetória do produto, desde a obtenção da matéria-prima, passando pela confecção, até a chegada à casa do cliente.

Essa é uma das formas de garantir a autenticidade das peças, visto que muitas são alvos de falsificações, especialmente as de luxo e de grandes marcas. 

Sobre isso, vale destacar que não apenas os fabricantes têm prejuízo, mas também os compradores e a economia nacional de modo geral.

Para se ter uma ideia, apenas em 2020, o Brasil teve uma perda próxima dos R$ 280 bilhões, decorrente da pirataria de diversos produtos, incluindo roupas, segundo dados do Fórum Nacional Contra a Pirataria e Ilegalidade (FNCP), divulgados no site da CNN Brasil.

Mas além de garantir que as pessoas estejam adquirindo itens originais, quais podem ser as outras aplicações da tecnologia blockchain na moda? Continue a leitura deste artigo e confira!

Relembrando o que é blockchain!  

Para falarmos sobre qual pode ser o papel da tecnologia blockchain na moda é importante, antes, relembrarmos no que consiste essa solução, concorda? Então, vamos lá!

Blockchain é uma rede formada por conjuntos de registros sequenciais e imutáveis. Cada bloco que forma essa cadeia de informações conta com dados referentes à transação que está sendo realizada.

Criptografados, eles recebem informações novas, ao mesmo tempo em que carregam o que estava contido no bloco antecessor. 

Sua segurança é atribuída a dois critérios: o primeiro é que se trata de uma rede descentralizada. Isso quer dizer que o blockchain não é um banco de dados único, pertencente a uma determinada empresa. Por conta disso, pode ser auditada por qualquer um que tenha interesse e necessidade.

O segundo ponto de segurança é o seu processo de validação, no qual cada bloco é analisado por membros da própria comunidade da cadeia de valor, e não por uma autoridade central.

Quais são as possíveis aplicações do blockchain na moda? 

Com o conceito bem definido, fica mais fácil entender quais podem ser as aplicações do blockchain na moda. 

Entre as mais relevantes — muitas, inclusive, já utilizadas —, estão:

  • rastreabilidade e prova de autenticidade dos produtos comercializados;
  • acompanhamento da qualidade das peças, começando pela origem da matéria-prima;
  • transparência nas operações, possibilitando verificar, por exemplo, comportamentos e ações que causam impacto ambiental;
  • acesso a informações de valores (custos) em diferentes momentos da cadeia produtiva;
  • monitoramento mais preciso de transporte de peças e entregas a revendedores e/ou clientes finais;
  • proteção da propriedade intelectual de marcas e designers.

Quais marcas já fazem uso da tecnologia blockchain na moda?

Como dissemos, muitas aplicações da tecnologia blockchain já estão sendo utilizadas na indústria da moda. Confira, agora, alguns exemplos de grandes marcas que já estão trilhando esse caminho.

LVMH

A LVMH, holding francesa especializada em artigos de luxo, detentora de empresas como  Louis Vuitton, Givenchy e Christian Dior, usa essa solução como recurso para diminuir o número de falsificação dos produtos fabricados por suas marcas, com a promoção de rastreabilidade e prova de autenticidade.

Inclusive essa holding, o Grupo Prada e a Richemont, que é um conglomerado empresarial suíço de artigos de luxo, fazem parte do consórcio Aura Blockchain, iniciativa que visa a criação de uma solução única de comprovação da autenticidade dos produtos fabricados e comercializados por eles.

Renner

A Renner, varejista brasileira de moda feminina, masculina e infantil, tem usado essa tecnologia para realizar um acompanhamento mais pontual das suas peças, verificando, junto aos seus fornecedores, questões como qualidade dos produtos, mas também o cumprimento das leis e normas trabalhistas nacionais.

C&A

A multinacional holandesa do setor varejista, que também trabalha com moda feminina, masculina e infantil, além de calçados, acessórios e celulares, usa a tecnologia blockchain para rastrear suas produções.

Em parceria com o Instituto Alinha, que assessora empreendedores de pequenas oficinas, a C&A não apenas faz esse rastreamento, mas também deixa as informações sobre as produções públicas, com meio de garantir a transparência das suas operações.

E as vantagens da tecnologia blockchain para essa indústria?

Viu quanta coisa tem por trás daquela roupa ou acessório que você compra no shopping ou pelo e-commerce? São tantos detalhes que, pessoas que não fazem parte dessa indústria, sequer têm ideia, não é mesmo?

Mas se agora formos pensar nas vantagens da tecnologia blockchain no mundo da moda, quais seriam as que mais se destacam? 

Na lista é possível incluir:

  • mais transparência nos processos;
  • mais agilidade e eficiência nas operações;
  • possibilidade de rastrear toda a cadeia produtiva de um item, tendo como base informações reais, precisas e em ordem cronológica;
  • confirmação da origem e autenticidade dos produtos adquiridos;
  • garantia de procedência das matérias-primas, de como foram extraídas e de como as peças foram fabricadas;
  • verificação do atendimento a questões ambientais;
  • confirmação do cumprimento da responsabilidade social das marcas;
  • análise das condições de trabalho oferecidas.

Temos quase certeza que, depois de saber de tudo isso, seu modo de ver as roupas e acessórios que compra vai mudar bastante, não é mesmo?

E, para finalizar, assim como dissemos logo no início deste artigo, a tecnologia blockchain não se limita à criação e à viabilização das criptomoedas

Além da indústria da moda que destacamos neste artigo, suas soluções também vem sendo amplamente utilizadas em áreas como:

Incrível, não acha? Para saber mais sobre esse assunto, confira os outros artigos do blog da Bitso que falam sobre blockchain e suas possíveis aplicações.

O Time Bitso é formado por especialistas em criptomoedas, garantindo informações seguras e precisas sobre o mundo cripto.