Símblolo de Dai ilustrando texto sobre o que é DAI

Criptomoeda DAI: entenda essa stablecoin

Quando falamos em criptomoedas ou moedas digitais, sempre é preciso parar e pensar em qual seria o projeto, o que motiva a existência daquela rede ou mesmo do token em si.

Neste artigo, vamos falar um pouco mais sobre o que é DAI: para o que serve, preço hoje, um pouco da história e tudo que você precisa saber a respeito desse meio interessante de acompanhar o dólar.

Mas, espera aí, por que estamos falando em “acompanhar o dólar”? Porque DAI é uma stablecoin que, tal qual Tether e TrueUSD, busca sempre acompanhar a cotação do dólar. Assim sendo, quando você for buscar a preço de DAI, deve ver que é igual ao da moeda americana na mesma ocasião.

Vamos então percorrer o caminho de informações para que você fique mais por dentro da moeda digital DAI. E, piadas à parte, já avisamos de antemão que essa criptomoeda não foi criada pela Bozena da série televisiva ‘Toma lá, Dá cá’.

Um pouco da história da criptomoeda DAI

O ticker DAI (que é o código que você encontra essa criptomoeda) se refere à moeda digital de nome MakerDAO e teve sua criação em 2017, desde o início com o objetivo de ser uma stablecoin que buscava acompanhar o dólar.

Interessante apontar que não começou dessa maneira: a moeda digital virou a stablecoin DAI em 2019, tendo começado com o nome de SAI em 2017.

A mudança de uma para outra foi a atualização do protocolo de criação da moeda: a diferença entre uma e outra é que a original demandava que você depositasse uma quantidade em Ether como garantia e, hoje, existem mais opções de tokens para você depositar como garantia.

O valor da criptomoeda DAI busca ser sempre o do dólar e, como dissemos, é o que na maioria das vezes vai acontecer mesmo, olha só:

[Gráfico]

Como funciona o criptoativo DAI?

Como já comentamos aqui, a stablecoin DAI tem como objetivo perseguir o valor do dólar em paridade, o famoso um para um. No caso, ela faz por meio do chamado Vault. A tradução do termo para o português já explica bastante: cofre. A ideia é que se deposite tokens que sejam aceitos pela rede nesses cofres e, com esse compromisso, seja possível então emitir novas unidades de DAI.

A rede utilizada por DAI tem como base o blockchain da Ethereum, o que faz com que possamos chamá-la de tecnologia de segunda geração, porque leva em conta aprimorar o que já existe e entregar algo novo (ou que serve a um propósito diferente).

Na prática, o funcionamento do DAI acontece com base em contratos inteligentes que fazem a intermediação das transações. O uso de DAI é mais direcionado para transações entre duas partes (o P2P) ou mesmo substituindo as remessas de câmbio quando você executa pagamentos de forma digital.

A plataforma que dá base para DAI se chama Maker, e é dentro dela que todas as transações nessa moeda digital acontecem. É por lá que você envia as unidades de token em garantia para criar a quantia de DAI que você precisa e em seguida fazer a remessa desejada de câmbio.

DAI e TrueUSD: respostas aos problemas da Tether

Um ponto importante de ser comentado é que tanto DAI quanto TrueUSD surgiram com o objetivo de responder a um questionamento referente a Tether. 

Esse questionamento é o seguinte: teoricamente, para cada unidade de Tether, há um lastro em dólar, como funcionava na época do padrão-ouro; porém, em auditorias diversas ao longo do tempo, fica sempre a dúvida sobre isso ser real ou não. Em uma auditoria em 2021, por exemplo, encontraram apenas 10% deste lastro em moeda à vista.

Dessa forma, a necessidade de depositar recursos em garantia para poder criar e utilizar tokens DAI busca resolver esse problema e, no fim das contas, por meio de mecanismos específicos executados pelo Protocolo Maker, não há a necessidade de uma manutenção de lastro em outras moedas digitais, apenas esse envio inicial (ou mesmo essa geração por meio de compensação do liquidity mining).

Ainda assim, é preciso deixar bem claro que a movimentação gerada pela Tether é consideravelmente superior ao que temos tanto de DAI quanto de TrueUSD, o que pode ser um sinal do chamado first move advantage ou, em bom português, “aquele que chega primeiro bebe a água mais fresca”.

Quais as diferenças entre DAI e Bitcoin?

Bitcoin foi o precursor dessa revolução das criptomoedas que vivemos hoje, então tendemos a comparar qualquer criptomoeda com aquela que originou esse universo todo. Assim sendo, vamos ver diferenças entre DAI e Bitcoin:

  • Mineração: no caso do Bitcoin, há a participação ativa dos membros da rede minerando e recebendo recompensas financeiras, já a obtenção de novas unidades do DAI tem como mecanismo estruturas de engenharia financeira e a remuneração de membros que fazem liquidez ao mercado;
  • Volatilidade: Bitcoin está sujeito a oscilações diárias com base na compra e venda de sua moeda, na maior ou menor utilização dela e outros tantos motivos, DAI busca acompanhar o dólar (por ser uma stablecoin) e, portanto, é muito mais estável em cotação e oscilação de preços;
  • Cotação: enquanto Bitcoin tem sua cotação na casa das dezenas de milhares de dólares, DAI busca sempre o valor unitário de paridade com a moeda norte-americana (de um para um);
  • Utilidade geral: Bitcoin pode servir para diversos tipos de aquisições de bens e serviços, enquanto a ideia principal de DAI é permitir o envio de remessas financeiras globalmente e servir como meio de processamento de pagamentos.

Quais são as vantagens da criptomoeda DAI?

  • Transparência e acessibilidade, advindas do fato de que as próprias pessoas que têm o ativo fazem parte da rede de governança e acompanhamento dela; 
  • Independência, porque ela funciona de maneira desvinculada de instituições financeiras, o que significa que o risco de algum banco ou algo do tipo quebrar e a moeda digital sair do ar inexiste; 
  • Baixa volatilidade, pois, como já comentamos, trata-se de uma stablecoin que busca acompanhar o dólar; 
  • Fortalecimento da carteira contra oscilações do real (já que ela busca paridade com o dólar);
  • E a remuneração pelo chamado staking: só de ter a moeda digital com você já é possível receber uma remuneração dos membros da comunidade (você recebe para manter a moeda ali por um determinado período).

Quais são as desvantagens do DAI?

  • Fator Liquidação: como ela demanda uma margem de garantia depositada para uso, em uma eventual crise forte de liquidez, esses recursos podem ser usados e, no limite, até zerados. É quase como a chamada “corrida aos bancos”: se todos forem sacar os recursos ao mesmo tempo por uma notícia negativa, pode ser que os recursos acabem antes;
  • Consolidação ao longo do tempo: caso a criptomoeda DAI não ganhe o gosto das pessoas e pare de ser utilizada, ela perderá o sentido e deixará de existir; provavelmente é por esse motivo que, nela, você pode até receber remuneração apenas por manter recursos “parados”;
  • Necessidade de reserva de garantia: para que você possa operar com DAI na rede dele, é preciso manter uma reserva mínima em outros tokens que pode ser de mais de 100% do próprio valor; mais diretamente, usando dólares como referência: é como se você precisasse depositar mais de US$100,00 como garantia de uma remessa de US$100,00;
  • Operação adicional: enquanto com Tether você pode simplesmente comprar o ativo, enviar para a outra ponta e lá converter para dólares, neste caso, você precisa colocar a reserva em operação antes (o que pode aumentar a segurança de que “os recursos estão lá”, mas certamente aumenta o custo da operação no final); importante notar que, se você ficar abaixo dessa reserva mínima na rede do ativo, paga uma multa por isso.

É possível minerar DAI?

Não se chateie com a informação que vem a seguir, mas, tal qual uma resposta de economista, quando o assunto é sobre minerar DAI, a resposta é um belo DEPENDE. Minerar, minerar mesmo, não é possível, porque a oferta dela, tal qual como acontece com Ripple, é definida por quem oferta e não pelos participantes da rede.

Porém, diferentemente da Ripple em que a oferta depende única e exclusivamente da vontade da empresa em disponibilizar mais unidades do token, no DAI, pode acontecer o chamado liquidity mining, que é uma situação em que os operadores da rede aumentam a liquidez disponível e, em função disso, são remunerados com unidades da MakerDAO.

A criação da stablecoin DAI se dá pela interação entre as pessoas que usam e também com base na interação entre pessoas e o chamado Maker Vault, que é o local digital onde você deposita as garantias em alguma das criptomoedas que são aceitas na rede para que possa enfim criar unidades do DAI.

Assim sendo, embora não seja possível de fato minerar DAI, caso você participe da rede de maneira a conseguir movimentar a liquidez total do sistema, será recompensado por isso com tokens dessa moeda digital.

Vale a pena ter criptomoeda DAI?

Como falamos no início deste artigo e quase sempre você nos verá relembrar aqui no blog da Bitso, é interessante que você esteja por dentro dos objetivos e do projeto de uma criptomoeda antes de comprar. Isso porque também vale pensar na utilidade que aquele token teria pra você no tempo presente.

Levando isso em conta, se você acredita na promessa de atuação em remessas internacionais de câmbio com segurança e rapidez, DAI é pra você. Pode dificultar um pouco o aspecto de manter a garantia e isso talvez te faça pensar em usar na verdade a stablecoin Tether ou TrueUSD, mas a segurança de ter um protocolo que verifique com maior regularidade o lastro existente provavelmente será um ponto positivo.

E, claro, se você quiser colocar as mãos na massa, aqui na Bitso você pode comprar e vender DAI conforme sua conveniência. Vamos te contar mais sobre isso para finalizar este artigo!

Como comprar DAI na Bitso?

É possível que comprar DAI na Bitso, é só fazer a conversão com Bitcoin em vez de reais. Funciona da seguinte forma:

  1. Mande reais para sua conta na Bitso;
  1. Compre Bitcoin com seus reais;
  1. Transforme a fração de Bitcoin que quer em DAI usando o botão de compra ou conversão.

E aí, se interessou por comprar DAI? Agora, você já sabe como! Lembre que, se precisar de ajuda para operar na Bitso, temos nossa Central de Ajuda aqui no site.

Bitso Brasil
O Time Bitso é formado por especialistas em criptomoedas, garantindo informações seguras e precisas sobre o mundo cripto.